Como Consultar Saldo do FGTS pela Internet – Dicas e Sites

Saldo do FGTS pode ser consultado pela internet. Saiba como visualizar seus rendimentos no Fundo de Garantia pelo site da Caixa que é seguro

Saldo do FGTS aprenda a consultar na internet

Saldo do FGTS  pode ser consultado pelo site da Caixa, você sabia? Pois é possível acompanhar o rendimento de seu saldo e verificar se a empresa está depositando o valor exato.

O Fundo de Garantia é uma direito que todo trabalhador com registro em carteira precisa ter. Além de ser um valor que será acumulado para ser resgatado quando for demitido (sem justa causa) ou para casos de aposentadoria, doenças crônicas ou invalidez.

É importante também consultar o Saldo do FGTS para poder dar entrada em casas próprias ou até mesmo usar o dinheiro para construir ou reformar um imóvel.

Saldo do FGTS

Acompanhe o Saldo do FGTS pelo site

Para quem não sabe o FGTS é um fundo que facilita muito a vida do trabalhador, dando a ele a segurança de que poderá ter um valor reservado em seu nome para casos emergenciais.

Para saber se o dinheiro está rendendo acesse o site da Caixa Econômica Federal e faça a consulta do Saldo do FGTS. Fora essa consulta  online o banco envia cartas apresentando os valores que você possui em sua conta assim como os rendimentos que o dinheiro está tendo.

Se você precisa saber agora mesmo como está o Saldo do FGTS siga nossas instruções:

Veja seu Saldo do FGTS agora pelo site da Caixa

O trabalhador que quiser consultar o Saldo do FGTS terá que criar uma senha de internet no site da Caixa e digitar o número de seu PIS PASEP.
Você será direcionado para uma área restrita para poder visualizar o valor que está depositado em sua conta e acompanhar sempre que quiser o andamento e rendimento desses valores.
O benefício só é válido para trabalhadores com registro em carteira, sendo que autônos e micro-empresários não possuem o direito e nesse caso não podem fazer consulta do Saldo do FGTS.

4 Comentários em Quando Sacar FGTS Retido por Pedido de Demissão

  • José Eduardo Alves disse:

    me disseram que após tres anos, depois de pedir demissão do emprego o trabalhador tem direito ao resgate do FGTS, no meu caso quero usa-lo para a reforma da minha casa própria, pois não tenho nenhuma condição financeira para terminar a mesma, qual é a garantia legal de que tenho esse direito?

  • Eder Gomes dos Reis disse:

    Estou trabalhando em uma empresa, quando me derem minha conta, posso incluir meu FGTS retido na Caixa, quando eu trabalhava em outra empresa e eu pedí demissão?

  • JUPIRA LUCAS ZUCCHETTI disse:

    EMPRESAS NÃO CONSEGUEM RECOLHER O FGTS (agost/2013)

    Já a algum tempo as empresas tem enfrentado problemas para a emissão dos novos números do PIS pela Caixa Econômica Federal, que é o órgão responsável pela emissão deles.E sem o número do PIS a empresas não conseguem recolher o FGTS dos funcionários.

    Antes o prazo era de cinco dias úteis para a emissão do número do PIS, porém, agora está passando de quinze dias. Somente depois que sai esse número é que as empresas conseguem recolher o FGTS dos funcionários. E acaba recolhendo esse FGTS com juros e multa, justamente pela demora na emissão desse número pela Caixa Econômica Federal.

    Ou seja, recolhe com juros e multa por uma culpa que não é da empresa, mas por demora do órgão público em emitir esse número É justo isso???!!!! Ou isso não seria mais um “incentivo” para as empresas não registrarem os funcionários???!!!

    Jupira Lucas Zucchetti
    (Contabilista em Campinas-SP)

  • Deixe seu comentário: